Menu

Lavandas

A literatura sobre a planta coloca muita ênfase nas propriedades do óleo essencial da lavanda como sendo analgésico, sedativo (em doses mais moderadas) ou estimulante (em doses mais altas), antidepressivo, antisséptico, cicatrizante, antiespasmódico, diurético, etc. Suas principais indicações já testadas por milênios(literalmente) são: contra insônia, irritabilidade, doenças infecciosas, males respiratórios (asma, tosse, bronquite, gripe), melancolia, ansiedade, enxaqueca, acne, ferimentos, picadas de insetos entre outras recomendações.

De tudo o que foi escrito, constata-se que o uso prático do óleo de lavanda enriquece a vida das pessoas, promove bem-estar físico, permitindo melhor estabilidade emocional. O poder da lavanda é inegável e seu uso de maneira apropriada sempre traz bons resultados. A lavanda produz mais do que um simples relaxamento; ela é uma verdadeira fonte de equilíbrio e revigoramento.
Vale contudo esclarecer que somente produtos que contenham o óleo essencial (100% extraído da lavanda) lhe trarão verdadeiros benefícios. O óleo essencial será sempre mais caro que a essência de lavanda. A essência é produzida a partir de componentes químicos sintéticos que reproduzem apenas uma semelhança com o aroma,mas não tem nada a ver com a planta. Afinal, são necessários 200 quilos de lavanda para produzir 250ml de óleo.

Certamente a lavanda é uma grande dádiva da natureza,seja pelo aroma, pelas propriedades medicinais, pela beleza de seus campos. A lavanda traz uma grande contribuição à saúde e ao bem-estar de todas as pessoas desde a Grécia Clássica, passando pela Roma Imperial e atravessando os séculos até os dias de hoje.

É um presente do Criador!

Lavandula Stoechas

Também chamada de Lavanda Francesa ou Lavanda Espanhola. Tem a floração mais vivaz entre todas as lavandas.

Na Grécia Clássica era usada para a extração de óleo, mas atualmente é usada apenas para a decoração dos jardins.

As flores variam de lilás, roxo, rosa, vinho, branca e amarela.

O Le Jardin disponibiliza comercialmente as 3 primeiras cores listadas.

 

Lavandula Multifida

Também chamada popularmente de Lavanda do Jardim, tem aroma característico de tempero e floração azul intenso.

Não suporta temperaturas muito baixas, mas exige solo drenado e sol abundante.

 

Lavandula Dentata

É a variedade mais difundida em solo brasileiro, destinada ao uso ornamental em jardins.

Seu óleo mais canforado, vem sendo cada vez mais usado por massoterapeutas e aromaterapeutas.

Não precisa de frio para florescer, mas requer solo bem drenado e sol abundante.

 

Lavandula Angustifolia

A mais nobre de todas as lavandas. Também chamada de Lavanda Inglesa, Lavanda Francesa, Lavanda Verdadeira ou simplesmente Alfazema.

É a planta usada para extração do óleo de melhor qualidade, servindo também para a produção de flores secas e sementes aromáticas. Produz flores que podem ser lilases, brancas ou azul intenso.

Necessita de frio para induzir a floração e requer solo bem drenado e sol abundante.